Pinturas

Descrição da pintura de Julius Clover “Pôr do sol no inverno”

Descrição da pintura de Julius Clover “Pôr do sol no inverno”



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Yu.Yu. Clover é um dos representantes mais proeminentes dos pintores de paisagens russos. Pintor de origem alemã, ele sempre sonhou em retornar à sua terra natal.

A pintura “Pôr do sol no inverno” reflete a beleza da natureza. A imagem parece um pouco cósmica, o disco solar é quase completamente visível, e as nuvens ao seu redor acrescentam mistério e disparam uma bola ardente.

Os raios do último sol são refletidos em uma superfície suave e tranquila. O rio vai para o infinito, e a estrada do brilho do sol leva o contemplador às profundezas do universo cósmico. A superfície da água passa pela borda da floresta. Você pode pensar que essa é a periferia e as pessoas raramente visitam esses lugares.

Uma casa de madeira esparsa fica sozinha, apertando os olhos com o peso da neve. À primeira vista, essa habitação parece abandonada e por muitos anos continua solitária perto da costa, encontrando o pôr do sol. Do tubo, você pode ver uma sutil fumaça fluindo. Portanto, ninguém saiu de casa e a vida continua nela.

Da foto um pouco respira a solidão. Talvez tenha sido durante esse período de criatividade que Clover se sentiu como um eremita, perdido na vida, como esta casa à beira do rio. Ele também fica perplexo e observa o pôr do sol, que simboliza o fim de um certo estágio da vida. Durante a criação da obra, o artista viveu no exterior e sofreu muito com isso.

A imagem transmite a atmosfera de uma noite de inverno, como se a natureza adormecesse. Duas árvores em primeiro plano pareciam congelar antes de atravessar o rio. Eles duvidam de sua decisão, mas não têm pressa de escolher. Continua sendo um mistério o que exatamente preocupou Yu.Yu. Clover. Ele duvidava da decisão ou, como uma casa precária, ficava parado assistindo o pôr do sol após o pôr do sol.

E tudo é lindo ao redor, uma paisagem magnífica, um rio sem fim, mas o pôr do sol traz tristeza. Foi a tristeza que congelou em belas reflexões no leito do rio, sublinhadas por um bando de nuvens.





Esmagar e destruir o inimigo poster


Assista o vídeo: Chris e Maria - Todo Mundo Odeia Bolo (Agosto 2022).