Pinturas

Descrição da pintura por Ivan Aivazovsky "Naufrágio"


A imagem foi pintada em óleo sobre tela em 1876. Aivazovsky tentou retratar com precisão o mar revolto, sua beleza, poder e grandeza. Ao mesmo tempo, ele queria despertar no espectador não o medo de grandes ondas, mas o prazer de contemplar as possibilidades ilimitadas do elemento natural.

A imagem mostra uma forte tempestade e um pequeno barco, que as ondas atribuem às rochas. No barco estão pessoas apontando para a costa da economia. Não se sabe se eles serão capazes de agarrar-se à terra e escapar ou o barco irá bater nas rochas. As pessoas podem ser vistas na praia. De pé no topo, eles espiam a tempestade, tentando determinar o que está lá: um navio naufragado ou apenas ondas gigantes.

O papel principal na imagem é desempenhado precisamente por ondas com cristas de espuma branca como a neve. Eles assustam e fascinam ao mesmo tempo. Perto da costa, o mar revolto adquire uma tonalidade azulada e, nas profundezas, torna-se esverdeado. Foi ao escrever esta imagem que Aivazovsky usou pela primeira vez a cor verde cobalto, que mais tarde começou a usar ao criar outras pinturas.

O céu da imagem está coberto de nuvens sombrias, que ao fundo quase se fundem com o mar tempestuoso cinza-esverdeado. Foi do céu que Aivazovsky começou a pintar suas pinturas, terminando com a representação dele em um passo. Mas o artista poderia desenhar o mar de várias maneiras.

Um ponto de cor proeminente da composição é uma rocha saliente entre as pessoas. É iluminado pelos raios do sol rompendo um céu tempestuoso. Esses quentes raios de luz simbolizam a esperança da salvação, um final feliz, típico da maioria das pinturas do grande artista.





Pintura Mãe Partidária Gerasimov


Assista o vídeo: PISTOLA DE PINTURA BATERIA CHEGOU NO BRASIL - IVan Burigo proprietário da GRACO ULTIMATE (Janeiro 2022).